Siga corretamente as instruções de lavagem apresentadas nas etiquetas dos uniformes profissionais; · Mantenha os uniformes sempre sec0s e arejados antes de lavá-los. Esvazie bolsos, desabotoe toda o uniforme e levante a gola.

Manchas que penetram nos tecidos são mais difíceis de remover. Se possível, limpe-as assim que o fato ocorrer. No caso de manchas de lama, recomenda-se deixá-las secar e em seguida, efetuar a sua remoção com escova macia e lavagem adequada.

 

 

 

Ao lavar, evite friccionar fortemente o uniforme, seja com escova ou sobre a pedra do tanque, de modo a minimizar o desgaste da superfície do tecido e manter a uniformidade das cores. Lave as roupas coloridas separado das brancas.

Importante observar se a água a ser utilizada na lavagem apresenta-se esbranquiçada, sendo indicativo de alta concentração de cloro. Caso se confirme, esta condição pode causar alterações nos tecidos coloridos, independentemente do tipo de detergente utilizado.

 

 

 

Alvejantes são preferíveis à água sanitária. Produtos à base de cloro, como a água sanitária, danificam as fibras dos tecidos e interferem na solidez da cor, podendo ocasionar desgaste prematuro, caso não haja uma neutralização adequada após o processo de lavagem. Não utilize alvejantes contendo branco ótico em uniformes coloridos.

Em geral os uniformes não devem ser deixadas em condições drásticas de molho prolongado (mais que 2 horas), ou expostas ao sol.

 

 

 

 

Antes de colocar o amaciante, tenha certeza de que o detergente em pó foi completamente removido. Todo amaciante deve ser usado no segundo enxágüe, na máquina de lavar ou no tanque.

A secagem de uniformes ao sol deve ser feita com as peças pelo avesso, com fecho e botões fechados. Neste caso, é importante duplo enxágüe das peças. Entretanto, para melhor conservação dos uniformes, seque-as preferencialmente à sombra.

Antes de pendurar uniformes pesados no varal, coloque-os de modo que não deformem;

 

 

As altas temperaturas são sempre prejudiciais aos tecidos. Ao passar os uniformes, inicie com aquelas que requerem baixas temperaturas e vá aumentando gradativamente a temperatura de acordo com as instruções na etiqueta de cada peça. Havendo necessidade de mudar da temperatura alta para baixa, espere alguns minutos para não danificar o uniforme.

Caso utilize o facilitador de passar, aplique-o a uma distancia de 20 cm da peça e não molhe demais o tecido. A utilização de produtos como amaciantes e facilitadores de passar permite que o tecido amarrote menos em relação a um não amaciado.

 

 

· Elimine com um pano úmido qualquer resíduo que esteja aderindo ao ferro de passar, antes que este esfrie, para não danificar os uniformes a serem passados posteriormente.

TOPO